Aba 1

REVISÕES E ESTUDOS

Postado em 08 de Fevereiro de 2016 às 11h28

Benefícios do betacaroteno

Amais e Chá Mais | Produtos Naturais para Nutrição Clínica e Funcional O betacaroteno constitui um pigmento natural e o mais abundante do grupo dos carotenóides, presente nos alimentos. É encontrado, especialmente, em vegetais e...

O betacaroteno constitui um pigmento natural e o mais abundante do grupo dos carotenóides, presente nos alimentos. É encontrado, especialmente, em vegetais e frutas de cor amarelo-alaranjada e em vegetais folhosos de cor verde-escura. Nestes, a cor natural do carotenóide é mascarada pela clorofila, presente nos cloroplastos.

As funções biológicas do betacaroteno, consideradas como propriedades essenciais para o bem estar dos organismos, incluem transferência de energia na fotossíntese, transferência de energia para fotoproteção e conversão metabólica a retinóides, em animais com ingestão inadequada de vitamina A pré-formada. 

Estima-se que cerca de 70% do aporte de vitamina A da dieta humana advém dos carotenóides, presentes nas frutas e vegetais, especialmente do betacaroteno. 

O potencial quimiopreventivo do betacaroteno contra o câncer, tem sido evidenciado em inúmeros trabalhos, incluindo epidemiológicos, observacionais e experimentais, sugerindo que o carotenóide poderia agir como um anticarcinogênico de origem alimentar. 

Têm-se proposto uma série de mecanismos, entre os quais a atividade do betacaroteno como pró-vitamina A: como agente antioxidante, além de regulador das comunicações intercelulares e modulador da síntese endógena de colesterol. 

Através de estudos de revisão, analisou-se dezenas de trabalhos, publicados desde 1977, e concluiu que:

- O consumo reduzido de vegetais e frutas e de carotenóides está associado, de maneira consistente, com o risco aumentado de câncer de pulmão;
- Baixos níveis sanguíneos de betacaroteno estão associados consistentemente com o desenvolvimento posterior de câncer;
- O consumo elevado de vegetais e frutas ricos em betacaroteno reduz o risco de câncer, de diferentes tipos.

Além disso, têm-se vinculado a ação antioxidante do betacaroteno a uma melhora na resposta imune, através da inibição de dano oxidativo nas células do sistema imune e de formação de peróxidos, que são fortes imunosupressores. Foi demonstrado que este precursor da vitamina A tem um efeito enorme sobre o envelhecimento e fotoenvelhecimento da pele, protegendo-a da ação agressiva dos raios UV.

Para saber mais, acesse nossa fan page.

Referências:

NAVES, Maria Margareth Veloso. Beta-caroteno e câncer. Revista de Nutrição, Campinas, v. 11, n. 2, dez. 1998. Disponível em: . Acesso em: 29 jan. 2016.

RINNERTHALER, Mark. et al. Oxidative Stress in Aging Human Skin. Biomolecules, Switzerland, 2015. Disponível em: . Acesso em: 29 jan. 2016.

 

Veja também

Equipe conquista estadual de Fisiculturismo28/03/15 A equipe Revitá CháMais mostrou dedicação e empenho no Campeonato Estadual IFBB 2015 e conquistou vaga para o Campeonato Brasileiro de Fisiculturismo. O evento, promovido pela Federação Catarinense de Culturismo, nos dias 26 e 27 de março, reuniu mais de 100 competidores no Marias Shows e Eventos, em Camboriú – SC, que disputaram diversas categorias:......
Desvendando a biodisponibilidade do colágeno05/09/17 Nas células os colágenos são sintetizados como prócolágenos. Após a secreção dessas moléculas, seus fragmentos terminais são clivados por meio de enzimas extracelulares chamadas colagenases......

Voltar para Revisões